Foto: assessoria

Os vereadores de Rondonópolis aprovaram nesta quarta-feira (15), um convênio entre prefeitura e a Santa Casa de Misericórdia e Maternidade no valor de R$ 85 mil. De acordo com o vereador Hélio Pichioni (PR), que faz parte da Comissão de Saúde da Casa de Leis, o recurso será destinado às atividades desenvolvidas pelo Banco de Leite do município.

“Esse valor vai ser usado para reformar e ampliar o espaço físico onde será instalado o Banco de Leite. Trata-se de um projeto de utilidade pública, pois o Banco de Leite vai atender àquelas mães que, por algum motivo, não conseguem amamentar seus bebês, mas ainda desejam que seu filho seja alimentado com o leite materno”, esclareceu Pichioni.

Leia também:  Programação do 2º Festival Esportivo das Águas inclui aeromodelismo, aulões e jogos ao ar livre

O vereador explicou que o projeto, que é de autoria do Executivo, já havia sido aprovado no ano passado, após uma articulação do primeiro-secretário da Casa de Leis, vereador Lourisvaldo Manoel de Oliveira “Fulô” (PMDB), contudo, por conta de um erro no texto, não foi possível sancioná-lo. Diante disso, os vereadores solicitaram que fossem feitas as devidas correções e encaminhado novamente para votação.

O projeto foi aprovado por unanimidade durante a 141ª sessão ordinária e será encaminhado para sanção do prefeito José Carlos do Pátio.

Preparativos

Atualmente existem apenas dois Bancos de Leite no Estado, todos instalados em Cuiabá. Para a unidade de Rondonópolis, cuja inauguração está prevista para ainda esse ano, serão contratados sete funcionários, sendo uma médica e uma farmacêutica cedidas pelo Governo do Estado, dois auxiliares de enfermagem cedidos pela Santa Casa, uma enfermeira, um auxiliar de laboratório e um auxiliar de enfermagem cedidos pelo município. Segundo a médica responsável pelo Banco de Leite, Virgínia Beatriz Resende Silva, todos os servidores já passaram por um treinamento promovido pela Fundação Osvaldo Cruz, na capital do estado.

Leia também:  Ultrapassagens indevidas aumentam 58% nas rodovias de MT durante o feriado de Corpus Christi

Segundo Fulô, Virgínia e sua equipe dedicaram tempo e estudo para desenvolver o projeto de criação do Banco de Leite, que será cadastrado no Ministério da Saúde. “Esse pessoal está de parabéns, pois estão se preparando para prestar um serviço de qualidade para a população”.

O presidente da Câmara, Ananias Filho (PR), destacou que a unidade beneficiará toda a população de Rondonópolis e região Sul do Estado e convidou toda a população a contribuir com a entidade. “O Banco de Leite é uma luta muito grande e, por isso, ficamos satisfeitos pelo projeto ter sido aprovado”, comemorou.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.