Lançamento do "Março Sempre Mulher" na OAB-MT. Foto: Jana Pessôa/Setas-MT

A promoção de cidadania das mulheres e combate à violência de gênero este é o foco da campanha “Março Sempre Mulher”, que teve início nesta quinta-feira (01/03) e contou com a participação dos Três Poderes Constituídos – Executivo, Legislativo e Judiciário – e de diversos segmentos da sociedade.

Em sua segunda edição, o “Março Sempre Mulher”, que é coordenado pela Superintendência Estadual de Políticas para Mulheres de Mato Grosso (Secretaria de Justiça e Direitos Humanos), conta com uma extensa programação, que vai desde a realização de palestras, mesas redondas, passando pelos cursos de capacitação, até campanhas educativas nos 141 municípios mato-grossenses.

Presente na abertura do evento, realizado na sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT), a primeira-dama de Mato Grosso e titular da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social, Roseli Barbosa, discorreu sobre as principais ações que estão sendo desenvolvidas pelo Poder Executivo estadual com foco no combate à violência doméstica e o fomento ao empreendedorismo das mulheres.

Leia também:  Katiene é convocada pela Câmara

“O Governo do Estado está empenhado no desenvolvimento de ações que trabalham desde a prevenção das práticas de violência até a conscientização dos acusados das agressões, no sentido de combater à reincidência dos crimes contra a mulher. Além do suporte às vítimas de violência, colocando-as como público prioritário dos programas sociais do Governo”, pontuou Roseli Barbosa.

Ela lembrou ainda que, numa demonstração de comprometimento com a causa, uma das primeiras ações do governador Silval Barbosa à frente do governo estadual foi a criação da Superintendência de Políticas para Mulheres e a assinatura do Pacto Nacional pelo Enfrentamento da Violência contra as Mulheres.

“Desde então temos conseguido vários avanços no desenvolvimento de políticas públicas voltadas às mulheres, tanto que já somos referência nacional na aplicação da Lei Maria da Penha e no combate à violência contra mulher”, observou a superintendente de Políticas para Mulheres, Ana Emília Iponema Sotero, que está à frente da organização do Março Sempre Mulher.

Leia também:  Inicia neste domingo 1º de outubro o período proibitivo da Piracema

Na oportunidade, a igualdade de direito entre homens e mulheres foi apontada pelo presidente da OAB, seccional Mato Grosso, Cláudio Stábile, como principal meta a ser seguida. “A nossa luta é pela harmonia de gênero, de forma que não haja discriminação e nem privilégios. Queremos homens e mulheres de mãos dadas, convivendo harmonicamente”, destacou Stábile.

Também participaram da solenidade de abertura do “Março Sempre Mulher”, a coordenadora da Sala da Mulher, Janete Riva (representando a Assembleia Legislativa); a juíza Ana Cristina Mendes, titular da Primeira Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher (representando o Poder Judiciário); a promotora de Justiça Lindinalva Rodrigues Corrêa e coordenadora das Promotorias Especializadas no Combate à Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Cuiabá; o defensor público Marcos Rondon Silva, a deputada estadual de Mato Grosso do Sul, Mara Caseiro, entre outras autoridades.

Leia também:  Dia de Finados movimenta comércio de flores em cemitério de Rondonópolis

Matérias relacionadas

Assembleia Legislativa promove campanha estadual contra violência à mulher

Assembleia Legislativa realiza em Rondonópolis a apresentação de campanha estadual

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.