A auxiliar de serviços gerais Maria Jaqueline Ramos da Silva (26) foi encaminhada para o Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC) por suspeita de ter agredido e esfaquear o seu esposo, o loneiro O.C.G. (30) na noite desta sexta-feira (20/04) no bairro Dom Osório.

O loneiro O.C.G. informou a Polícia Militar (PM) que havia chegado em casa e encontrou Maria da Silva no momento em que ela agredia o filho dela. O loneiro O.C.G. afirmou que quando foi tentar impedir as agressões à criança sua esposa começou a ofendê-lo.

Segundo a PM, o loneiro ficou nervoso e jogou uma garrafa PET que acertou a tampa da máquina de lavar que estava na cozinha. Em seguida, o loneiro O.C.G. foi até o quarto para ver a criança e ao se virar encontrou com Maria da Silva que havia pegado uma faca e o esfaqueou. De acordo com a PM, a faca atingiu a coxa direita e lado esquerdo do peito de O.C.G.. Segundo a PM, Maria da Silva ainda mordeu o braço direito do marido O.C.G. que ficou com hematomas e lesões.

Leia também:  Após sair de presídio, ex-marido furta caminhonete de mulher e foge

O loneiro O.C.G. foi encaminhado para o Pronto Atendimento (PA) onde foi medicado e em seguida o casal foi levado pela PM para o Cisc a fim de prestarem esclarecimentos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.