Socorristas resgataram vivos nesta quarta-feira os nove mineiros presos há sete dias a 250 metros de profundidade em um túnel horizontal de uma mina de cobre no sudeste do Peru, constataram jornalistas da France Pressse no local.

Os mineiros começaram a sair caminhando da mina um por um junto com os socorristas a partir das 9h (horário de Brasília), portando cada um deles cobertores e óculos escuros para se proteger da luz do sol.

Um dos mineiros saiu caminhando com dificuldade e usando máscara de oxigênio.

O presidente Ollanta Humala e os familiares receberam os homens na entrada do túnel da mina de cobre de “Cabeça de Negro”.

Leia também:  Corpo de jornalista que desapareceu em embarcação é encontrado mutilado na Dinamarca

Uma bandeira peruana foi hasteada junto ao túnel por um grupo de mineiros que participaram no resgate.

ACIDENTE

Os nove mineiros ficaram presos em uma mina de cobre, após a entrada desmoronar na quinta-feira, dia 5 de abril.

Conhecida como “Cabeza de Negro”, a mina se localiza no distrito de Yauca del Rosario na região de Ica, no sul do país

Na terça feira, Humala, foi para a região, localizada a 38 km de Ica, capital da província, acompanhar o resgate.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.