O relatório enviado pela Superintendência do Departamento de Infraestrutura de Transportes (Dnit) sobre as obras de duplicação do trecho urbano em Rondonópolis da BR-364 ainda não chegou nas mãos dos vereadores. A Câmara Municipal deu o prazo de até sexta-feira para que o DNIT juntamente com o secretário de Infraestrutura, Urbanismo e Habitação, Ronaldo Sendy Iticava Uramoto, apresente o resumo do laudo e também a solução para o caso.

O presidente da Câmara, Ananias Filho, afirmou que esta aguardando o resultado e que até o momento não recebeu o laudo. De acordo com o presidente, por enquanto, tudo fica como está, já que os vereadores estão tendo o bom senso de esperar para ver se alguém vai se manifestar.

Leia também:  Grupo define primeiras ações para retomada dos hospitais regionais

O vereador, Lourisvaldo Manoel de Oliveira (Fulô), contou que esteve com o secretário Ronaldo na semana passada e que ele ficou de vir apresentar os resultados aos vereadores. “Vamos fazer a nossa parte que é a de fiscalizar e depois dar uma resposta para a sociedade. Se até sexta-feira não chegar nada na Câmara será necessário se abrir uma CPI para investigar o caso”, fala.

Segundo o vereador, Miltom Mutum, ele chegou a ter acesso ao relatório, mas como nele continha cerca de 500 páginas ficou inviável de se ler naquela ocasião. “Então ficou acertado que o Ronaldo viria com o resumo para esclarecer os problemas e também que fosse apresentada a solução para o mesmo. O que não vamos aceitar é que mais dinheiro do povo seja investido nessas obras, eles terão que dar conta do serviço com a verba que já foi destinada para isso”, conta.

Leia também:  Jogos da Juventude | 14 equipes representarão Rondonópolis na etapa regional

 

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.