Durante a Audiência Pública o secretário apresentou como funcionaria a mudança. Foto Varlei Cordova/AGORAMT

O projeto de alteração no sentido de trafegabilidade da Avenida Goiânia foi temporariamente suspenso para tentar novas formas de reduzir o número de acidentes. A decisão é resultado da Audiência Pública realizada nesta terça-feira (22) na Câmara Municipal de Rondonópolis.

No início das atividades o secretário de Trânsito e Transporte, Argemiro José Ferreira, apresentou o projeto com as mudanças e como funcionaria a alteração, onde a Avenida Goiânia passaria a ser mão única no sentido centro bairro.

Comerciantes, moradores e presidentes de bairros, foram contrários à proposta do secretário e argumentaram que o problema na avenida é o excesso de velocidade e que seria necessário de buscar formas de implantar redutores de velocidade e viabilizar meios para que as pessoas utilizem mais as avenidas paralelas.

Leia também:  Exposição no Casario traz 17 obras de alunos da Escola Daniel Martins Moura

Ao término da reunião o vereador Adonias Fernandes (PMDB), solicitante da Audiência Pública, propôs ao secretário que não fosse alterado o sentido da avenida e que seja buscado outros meios de reduzir os acidentes no perímetro, tendo em vista o pedido da comunidade. E sugeriu a realização de um estudo para ampliá-la e continuar como mão dupla, mas com um canteiro entre as pistas.

Argemiro afirmou que todas as alternativas para reduzir a quantidade de acidentes foram analisadas, inclusive a proposta do vereador, e apresentou um pré-projeto, contudo ressaltou que no momento a secretaria não dispõe de recurso para realizar a obra, mas se comprometeu em fazer o projeto de forma mais detalhada.

Leia também:  Vândalos atacam o sistema de iluminação pública em Rondonópolis

Adonias convidou a todos para uma nova reunião no dia 05 de junho, onde o secretário Argemiro apresentará o projeto de duplicação da avenida onde será estudada a viabilidade da execução ou não da obra.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.