Foto: ARQUIVO AGORAMT

Rondonópolis vai ganhar um serviço completo de radiografia. A informação é do secretário Estadual de Saúde, Vander Fernandes, repassada ontem  segunda-feira ao prefeito Ananias Martins, que participou de audiência em Cuiabá acompanhado dos deputados Wellington Fagundes (federal), Jota Barreto e Ondanir Bortilini (estaduais), do presidente da Câmara, Hélio Piccione, e do secretário municipal de Saúde, Valdecir Feltrin.

O serviço de radiologia deve ser implantado até o final do ano e vai atender a pacientes que, hoje, são obrigados a viajar até a capital para o tratamento do câncer. Os recursos são do Ministério da Saúde, que vai comprar os equipamentos e construir o prédio para atendimento da população. Os serviços devem ser oferecidos em área anexa à Santa Casa de Rondonópolis.

Leia também:  UFMT abre inscrições do 1º vestibular para estudantes quilombolas

Durante a audiência, o prefeito Ananias e o secretário de Saúde, Valdecir Feltrin, mostraram a Vander Fernandes a necessidade de credenciar mais uma clínica para atendimento na área da nefrologia. Hoje, a única credenciada está obrigada a atender em cinco turnos já que mais de 200 pessoas portadoras de doenças renais precisam fazer hemodiálise. “É desumano obrigar um paciente a fazer hemodiálise durante a madrugada. Mas não temos outra saída”, explicou Feltrin. Com o credenciamento de uma nova clínica, a expectativa é melhorar o atendimento desses pacientes.

O deputado federal Wellington Fagundes cobrou do secretário estadual de Saúde, Vander Fernandes, a desapropriação de área para ampliação do Hospital Regional de Rondonópolis. Dois parlamentares (Wellington e Pedro Henry) destinaram emendas para a construção do prédio e a Câmara Municipal de Rondonópolis já autorizou a desafetação da área. “Falta apenas o governo do Estado fazer a desapropriação e começar a obra”, disse Wellington.

Leia também:  3ª Feciti começa nesta segunda com lançamento do Parque Tecnológico

O novo prefeito de Rondonópolis, Ananias Martins, saiu satisfeito da reunião e garantiu que o seu secretário municipal de Saúde, Valdecir Feltrin, tem total autonomia de gestão. “Acredito em sua capacidade e sei que ele vai continuar tratando com eficiência todos os assuntos que tiverem que ser resolvidos aqui, na Secretaria Estadual de Saúde”, disse.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.