Um grupo de colaboradores da Cooperativa de Reciclagem de Pneus (Coorep) esteve em reunião com o prefeito Ananias Martins de Souza Filho na manhã desta segunda (28). O objetivo principal do encontro, segundo a presidente da cooperativa, Rosangela Souza Matos, é reiterar o pedido de doação de uma área para a Coorep.

“Hoje a cooperativa funciona em um Ecoponto na MT-130, no Alto da Colina, saída para Poxoréu, que nos foi arrendado por 10 anos; contudo o local não é propício para acomodação dos pneus”, explicou Rosangela Matos. A presidente da Coorep acrescenta que para proteger os pneus é preciso fazer o uso de lonas. “Não é o ideal, mas é o paliativo que temos para evitar problemas como o acúmulo de água”, disse a presidente da Coorep.

Leia também:  2ª corrida da lua cheia acontece no próximo sábado em Rondonópolis

Além do terreno, que deve ter no mínimo cinco mil metros quadrados, a cooperativa pediu ao prefeito a doação de maquinário. “Precisamos de máquinas que nos auxilie a executar nosso trabalho, que consiste em dar finalidade aos pneus servíveis – aqueles que podem ser usados novamente em veículos ou transformados em artesanato; e os inservíveis – pneus que são encaminhados para uma empresa de reciclagem, que lhes dá destino final”, contou Rosangela Matos.

O prefeito Ananias Filho observou que o trabalho iniciado pelo ex-prefeito José Carlos do Pátio será mantido, e com isso as promessas feitas por ele anteriormente. “Esta administração ainda é do Zé do Pátio, e o que ele prometeu a vocês será mantido; aqui não tem interesse deste ou daquele partido, aqui nós priorizamos a cidade Rondonópolis”, destacou Ananias Filho.

Leia também:  Transporte público será gratuito no desfile de 7 de setembro em Rondonópolis

COOREP

A Cooperativa de Reciclagem de Pneus (Coorep) tem 30 cooperados. De acordo com a presidente Rosangela Matos, o valor total arrecadado com a venda dos produtos artesanais, dos pneus que retornam ao mercado e dos que são enviados para a reciclagem, é dividido igualmente entre os trabalhadores.

“Com a doação do terreno que viemos pedir ao prefeito, esperamos aumentar o  número de cooperados para algo em torno de 50 pessoas”, finaliza Rosangela Matos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.