“Acredito que seja de extrema importância trabalhar pela transformação da consciência do cidadão em da defesa do meio ambiente; é fundamental, por meio de qualquer ação em prol da educação ambiental, que busquemos alternativas de desenvolvimento sustentável, e dar continuidade ao trabalho do lixo eletrônico é uma destas ações”.

A fala do prefeito de Rondonópolis, Ananias Filho, demonstra a preocupação da atual administração em dar continuidade aos trabalhos iniciados por outros gestores, como descarte consciente do lixo eletrônico.

O secretário de Meio Ambiente, Luis Divino Gobbis Gonçalves de Araújo, diz que a ação tem o objetivo de aprimorar o serviço oferecido pela administração pública ao cidadão, visando beneficiar a sociedade como um todo. “A iniciativa está cumprindo o seu papel, agora é com a população, que deve exercer sua cidadania e fazer sua parte neste grande projeto sócio ambiental”.

Leia também:  Sanear libera rede de esgoto da Vila Goulart para uso dos moradores

A coordenadora do Núcleo de Educação Ambiental, Valmíria Antônia Fernandes dos Santos Constantino esclarece que a Semma tem realizado, constantemente, o monitoramento dos 15 Pontos de Entrega Voluntária – PEV de lixo eletroeletrônico.

“O retorno social vai impactar positivamente em todas as esferas de vivência do cidadão; o trabalho de conscientização das comunidades já vem sendo realizado nas escolas da rede municipal e estadual, e em empresas parceiras do projeto”.

PONTOS DE COLETA

Além da Prefeitura Municipal, o cidadão pode levar o lixo eletroeletrônico em outros 13 pontos de coleta. São eles o supermercado Favorito, na Avenida Presidente Kennedy; Atacadão, na Avenida Bandeirantes; Supercenter Supermercados, na Avenida Rui Barbosa; Gonçalves Supermercado, na Avenida Rotary Internacional (Jardim Participação); Bonzão Supermercado, na Avenida Presidente Castelo Branco (Vila Operária) e em três unidades do Supermercado Tropical: Jardim Atlântico, Jardim Iguaçu e Jardim Tropical.

Leia também:  Grupo de debate pelo WhatsApp premia destaques de MT

Os pontos restantes são o ‘Espaço Jovem’ Cidadão, da Avenida Bandeirantes (Bairro Lajeadinho); no Shopping Popular (em frente ao Cais); Terminal Rodoviário ‘Alberto Luz’; Forlux Center da Vila Birigui e no Posto Fórum do bairro Parque Universitário.

Os cidadãos podem e devem levar aos PEV’s materiais como computadores, monitores e periféricos (mouse, teclado, no-break); impressoras, notebooks e laptops; fontes de alimentação; placas de circuito; processadores; baterias e pilhas; fios e cabos diversos; telefones celulares, televisores, rádios, DVD, vídeo cassete e similares.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.