O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) começou o mês de maio com leve alta de 0,05 ponto percentual, em relação à taxa registrada em 30 de abril, que foi 0,52%. Os preços coletados entre os dias 8 de abril a 7 de maio tiveram variação de 0,57%, segundo dados divulgados hoje (08/05) pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre), da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Quatro das oito classes de despesa que fazem parte do índice tiveram acréscimo nas taxas de variação. Os grupos que se destacaram na elevação do IPC-S foram alimentação (de 0,38% para 0,53%), educação, leitura e recreação (de 0,09% para 0,37%), despesas diversas (de 3,5% para 4,24%) e saúde e cuidados pessoais (de 1,03% para 1,08%).

Leia também:  Mãe usa filha de 2 anos para levar produto ilícito em presídio

Carne bovina foi o item com maior acréscimo na classe alimentação, passando de -1,27% para -0,58%. No grupo educação, leitura e recreação, a maior influência de alta partiu do item passagem aérea (de -7,22% para -2,78%). Em despesas diversas, os cigarros tiveram maior acréscimo, passando de 9,66% para 11,01%. O item medicamentos (de 1,92% para 2,45%) registrou maior alta na classe saúde e cuidados pessoais.

Nas classes de despesas em que houve decréscimo, o segmento que teve maior redução foi o de vestuário, passando de 0,55% em abril para 0,43% em maio. Em seguida, aparecem os segmentos de transporte (de 0,33% para 0,24%) e comunicação (de 0,08% para 0,01%). Habitação aparece com leve redução de 0,01 ponto percentual, passado de 0,42% para 0,41%;

Leia também:  Contribuintes do INSS não precisarão mais comparecer em posto de atendimento para pedir a aposentadoria

Os destaques, entre os decréscimos, foram os itens: seguro facultativo para veículo (de 1,93% para 0,07%), na classe de transporte; empregados domésticos (de 0,57% para 0,28%), no grupo habitação; roupas (de 0,65% para 0,54%), no segmento vestuário; e mensalidade para TV por assinatura (de 0,33% para 0,16%), na classe de despesa comunicação.

A próxima apuração do IPC-S será divulgada em 16 de maio, com dados coletados até o dia 15 deste mês.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.