Foto: assessoria

Os poderes Legislativo e Executivo Estadual firmaram pacto de cooperação para impulsionar o turismo em Mato Grosso, já que o estado ocupa hoje a penúltima colocação entre os doze destinos escolhidos pelos turistas para assistir à Copa de 2014, ganhando apenas de Manaus.

A parceria foi selada durante a reunião da Comissão de Indústria, Comércio e Turismo da AL/MT, presidida pelo parlamentar, Ondanir Bortolini –Nininho (PR-MT) e pelo vice, deputado Dilmar Dal Bosco com a presença da secretária estadual de Desenvolvimento do Turismo, Teté Bezerra e do presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Mato Grosso, Luiz Verdun convidados para o evento.

O presidente da Comissão, deputado Nininho ressalta a necessidade de viabilizarem um programa para capacitação bilíngüe de profissionais. “O Governo do Estado tem que fornecer suporte para que possamos alavancar o Turismo no Estado. A Assembleia Legislativa cobrará as ações e buscará criar Leis que ajudem a promover o segmento”, destaca o legislador. Para Nininho o essencial é que as cidades com belezas naturais tenham hospedagem para que as agências possam fornecer pacotes atraentes aos visitantes.

Leia também:  Delegado Claudinei Lopes completa 10 anos de atividade policial em Rondonópolis

Na oportunidade, Teté Bezerra explanou os avanços no setor turístico mato-grossense desde que assumiu a pasta no ano passado e enfatizou a importância da aproximação entre os dois poderes para trabalharem pela estruturação dos municípios com potencial turístico. O objetivo é estimular a rede hoteleira e de pousadas para absorver a demanda da Copa do Pantanal.

“Acredito que Mato Grosso possa mudar a fonte de sua economia, que mais de 90% vem da agropecuária. Nosso potencial turístico é enorme e podemos ter receita proveniente desse setor o ano todo, como os eventos de pesca esportiva”, argumenta ela.

Para o deputado estadual, Dilmar Dal’Bosco as mudanças já iniciaram com a divulgação dos pontos turísticos, principalmente, por meio de material informativo como folders em português e inglês. “Estamos acompanhando esse trabalho de intensificar a imagem de Mato Grosso como atração turística. Esperamos apenas que o Governo dê condições para isso, porque nossas emendas parlamentares não saíram até o momento”, frisa.

Leia também:  Rondonópolis | Saúde convoca pacientes que aguardam por cirurgias de catarata e pterígio

Para o presidente da ABIH-MT, Luiz Verdun essa aproximação entre Legislativo e Executivo é mais um canal para auxiliar o Estado a crescer nesse setor. “Trabalhando juntos podemos favorecer, esclarecer e contribuir para o crescimento do turismo”, acrescenta.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.