Foto: assessoria

Os vereadores da Câmara Municipal de Rondonópolis votam nesta quarta-feira (23) o projeto de Lei que cria o Ato da Mesa Diretora que estabelece as diretrizes para a eleição indireta, onde será definido o novo prefeito de Rondonópolis, em razão da cassação do ex-prefeito José Carlos do Pátio.

O Ato da Mesa Diretora é baseado nas recomendações do Tribunal de Regional Eleitoral e na Lei Orgânica Municipal, onde será determinado os prazos para inscrição e recursos, além das condições para que os interessados possam concorrer ao cargo.

O novo prefeito será escolhido pelos vereadores, por meio de voto direto e aberto, no dia 14 de junho, às 10 horas, em razão de que a eleição indireta deve respeitar um prazo de 30 dias da data em que o presidente afastado da Câmara Municipal, Ananias Filho (PR), assumiu interinamente a cadeira de prefeito. A posse do futuro gestor acontecerá no mesmo dia, às 14h45 na Casa de Leis.

Leia também:  Rondonópolis | MPT divulga edital para cadastro de entidades que poderão ser beneficiadas com destinações

O presidente da Câmara Municipal, Helio Roberto Pichioni (PR), disse que o Ato da Mesa Diretora é um procedimento que determina como deve acontecer a eleição de forma legal e correta. “Vamos trabalhar dentro da legalidade para escolher o novo prefeito”, concluiu.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.