Em entrevista exclusiva ao AGORA MT, o prefeito municipal José Carlos do Pátio (PMDB), foi cauteloso ao comentar a pesquisa do Instituto de Pesquisa Mark, que divulgou um crescimento de seu nome em seis pontos percentuais em relação a medição anterior. Na última rodada, Pátio alcançou 12,3% das intenções de votos dos pesquisados na estimulada e  agora chegou a casa dos 18%. A pesquisa também apontou uma diferença entre Pátio e o primeiro colocado, o deputado estadual Percival Muniz (PPS), de oito pontos percentuais, o ex-prefeito Adilton Sachetti (PDT), ficou em segundo lugar, com 25,5%.

“Não vou falar nada de politica, enquanto a minha questão jurídica não estiver resolvida, mas agradeço a população de Rondonópolis, as instituições governamentais por tudo, (…) neste momento estou focado apenas em administrar a cidade e não em ficar fazendo conjunturas politicas”, pontou o peemedebista.

Leia também:  Sérgio Moro determina que o ex-ministro José Dirceu deixe prisão com tornozeleira eletrônica

Mesmo com uma subida de 6%, pontos na pesquisa, o prefeito ainda detém a maior rejeição, com 23,5%, o ex-prefeito Adilton Sachetti é o segundo colocado em rejeição, a terceira posição e ocupada pelo o petista Juca Lemos, com 4,3%, na quarta posição aparece o vereador e presidente da Câmara Municipal, Ananias Filho (PR), com 3%. Já o deputado estadual Percival Muniz, aparece com 0,7%, o ex-governador e ex-prefeito, Rogerio Salles, aparece com a menor rejeição, com 0,3%.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.