Marli Firmino Rodrigues (38) foi encaminhada para o Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC) por suspeita de roubo a um comércio no bairro Vila Carvalho na tarde desta segunda-feira (07/05). De acordo com a Polícia Militar (PM) a mulher foi encontrada no bairro Pedra 90 depois que a vítima, a comerciante E.S.S. (30) teria reconhecido Marli Rodrigues a partir de fotografias do banco de dados da PM como a autora do roubo de cerca de 30 celulares.

A comerciante E.S.S. informou a PM que uma suspeita entrou no comércio e disse que queria comprar um celular. A vítima afirmou que no momento em que abriu a vitrine, Marli Rodrigues encostou uma faca em seu abdômen e disse que era um roubo e falou que se reagisse iria mata-la.

Leia também:  Nova Mutum | Bando explode cinco caixas eletrônicos de duas agências bancárias

Segundo a PM, E.S.S. continuou a dizer que colocou cerca de 30 a 40 celulares dentro de uma bolsa preta, mas quando seu marido chegou ao estabelecimento, Marli ficou apurada, saiu do comércio, montou em uma moto e fugiu com outro suspeito, que não foi identificado. A comerciante disse que a suspeita deixou para trás um capacete e uma faca.

Marli Rodrigues foi levada até o Cisc para prestar esclarecimentos e para reconhecimento.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.