O diretor técnico do Serviço de Saneamento Ambiental – Sanear, Júlio Goulart. Foto Arquivo AGORA MT

O diretor técnico do Serviço de Saneamento Ambiental – Sanear, Júlio Goulart, se pronunciou em relação a matéria vinculada ontem (04/05) em relação a denuncia do despejo de esgoto sem tratamento no Rio Vermelho.

De acordo com o diretor técnico, a Estação de Tratamento do Esgoto passa por um processo de troca de encanamento e de bombas, pois o equipamento utilizado é velho e possui algumas fraturas, e infelizmente durante o processo de troca pode ocorrer vazamento de água no rio.

“É preciso fazer a troca dos equipamentos e durante esse processo de troca é inevitável que caia um pouco de água no rio, mas não é constante e não trará grandes prejuízos para o meio ambiente”, afirmou Júlio.

Leia também:  Inscrições com 63 vagas para professores na UFMT começam na segunda

Segundo o diretor técnico, a previsão de término para as obras de troca e construção das novas bombas é para o final do ano e até lá pode ocorrer vazamentos esporádicos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.