Arquivo AGORA MT

A administração do prefeito José Carlos do Pátio (PMDB), que foi cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral e pode deixar o cargo a qualquer momento, já começa a sofrer baixa no secretariado. O primeiro a pedir exoneração do cargo foi o secretário de Governo, Gerson Araújo (PMDB), que pediu demissão na manhã desta terça-feira (15/05). Segundo informações, o pedido de demissão teria acontecido após desentendimento com o prefeito.

O pedido de exoneração do cargo já foi protocolado no departamento responsável, com o número 24044/2012.

Gerson chegou a ocupar a Secretaria de Administração no começo da gestão de Pátio, deixando o cargo para ocupar a Secretaria de Governo.

Gerson chegou a ter seu nome cogitado para ocupar a diretoria executiva da Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis (CODER), logo após do pedido de exoneração do ex-diretor Darci Lovato (PMDB), que deixou o cargo para disputar uma cadeira na Câmara municipal.

Leia também:  Projeto para a biblioteca Manoel Severino fomenta debates sobre assuntos da atualidade

Em contato com a reportagem do AGORA MT, o secretário confirmou o pedido de demissão do cargo, mas se negou a comentar motivo do pedido de demissão e o possível desentendimento com Pátio.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.