Debate sobre as propostas apresentada pelo Governo onde será levantada uma contraporposta que será apresentada pelo conselho em Cuiabá. Foto: Varlei Cordova/AGORA MT

O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) se reuniu hoje (16) pela manhã com representantes de 28 escolas Estaduais de Rondonópolis para debater as proposta salarial apresentada pelo Governo. Na oportunidade também foi apresentada a chapa que concorre para a direção do sindicato para o próximo triênio.

O presidente do Sintep, João Eudes de Anunciação, relatou que a categoria apresentou reivindicações como a realização de concurso público a cada dois anos para preenchimento de cargos sem titulares efetivos, assegurar o piso salarial de R$ 1.937 conforme lei 11.738/2008 a todos os profissionais da educação com jornada de 30 horas, estabelecer politica de equiparação salarial com outras categorias do Executivo Estadual, implantação de escolas de Atendimento em Tempo Integral, o direcionamento de 35% da arrecadação estadual para investimentos em Educação aos alunos dentre outras pautas.

Leia também:  Primeiro dia de campanha atrai consumidores

Com base na contraproposta do Governo será criado um conselho que vai participar de uma assembleia nos dias 19 e 20 de maio, em Cuiabá, que apresentará as sugestões de reivindicações do município, dentro da proposta apresentada ao Sintep.

Na ocasião foi apresentada a chapa para a próxima diretoria do Sintep, onde vice-presidente do sindicato, Maria Celma de Oliveira, é a candidata a presidente e o professor Lucio Pereira Brito será vice-presidente. A votação para a nova diretoria ocorrerá no dia 15 de junho.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=bmeDwTkdZoc&feature=youtu.be[/youtube]

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.