A Polícia Militar (PM) registrou duas tentativas de homicídios, sendo uma delas que envolve roubo na tarde deste sábado (19/05) em Rondonópolis. Em um dos casos o auxiliar de serviços gerais A.A.M. (34) foi perseguido e atingido por disparos no bairro Jardim das Flores.

De acordo com a PM, A.A.M. levou um tiro na perna acima do tornozelo, outro no meio das costas e ficou com um corte acima da orelha. A PM recebeu informações de que um suspeito de furto era perseguido por populares e no Anel Viário próximo a Vila Mineira foi encontrado a testemunha G.I.D.O. que disse a mesmas informações repassadas pela denúncia.

Com a ajuda de moradores a PM encontrou o auxiliar de serviços gerais A.A.M. que foi encaminhado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) até o Hospital Regional.

Leia também:  Vítima é amarrada por trio em tentativa de roubo no Moradas do Parati

A vítima havia falado a PM que estava em um sítio e parou para chupar laranja e percebeu que havia uma pessoa, com isso teve medo e passou a fugir. A.A.M. contou que quando saia do Anel Viário sentido Jardim das Flores percebeu uma pessoa que estava armado com uma espingarda e atirou em suas costas, em seguida continuou a fugir.

A.A.M. relatou a PM que foi abordado por outra pessoa que pilotava uma moto e lhe pediu para que parasse, mas continuou a andar. A pessoa que estava na moto então pegou uma arma e efetuou um disparo que acertou sua perna. O auxiliar de serviços gerais comenta que caiu e só percebeu quando era socorrido pela PM.

A testemunha R.R.S. disse a PM que na sexta-feira (18/05) foi vítima de furto de compras, roupas, calçados e bijuterias e afirmou que após um tumulto percebeu alguns objetos em um casa abandonada onde era o local que começou a perseguição. Já a testemunha G.I.D.O.  informou aos policias militares que havia saído do sítio de sua mãe e percebeu A.A.M. no interior de uma residência abandonada, onde comenta que tentou falar com a vítima, que estava armado com uma faca, mas o rapaz fugiu em uma bicicleta e foi perdido de vista. G.I.D.O. disse que depois viu o carro da PM e fez sinal para a guarnição.

Leia também:  Alta Floresta | Pai e filho morrem em hospital após explosão de gás

Em outra ocorrência no bairro Pedra 90, o autônomo S.J.P. foi atingido com dois tiros cada um em uma perna durante roubo a casa do auxiliar de serviços gerais P.C.S. (35).

P.C.S. informou a PM que seu patrão, o autônomo S.J.P. havia ido até sua casa para fazer o pagamento de salário quando foram abordados por dois suspeitos, que aparentavam ser menores e que estavam encapuzados. De posse de revólver os suspeitos anunciaram o roubo e mandaram para que as vítimas entregassem o dinheiro e no momento em que S.J.P. pegou a quantia de R$ 700 que estava no bolso foi atingido pelos disparos.

P.C.S. afirmou a PM que logo depois dos tiros, os suspeitos fugiram em uma bicicleta feminina. O autônomo foi socorrido por outras pessoas e encaminhado para o Pronto Atendimento (P.A.). A PM informou que ao chegar no local encontrou duas balas onde o crime ocorreu. A guarnição fez rondas, mas os criminosos não foram encontrados.

Leia também:  Em abordagem, motorista fica nervoso e entrega 90kg de maconha aos Federais

Os dois casos foram registrados no Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.