A reitora da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Maria Lúcia Cavalli Neder, e o deputado federal Wellington Fagundes (PR/MT) se reuniram nesta quarta-feira (09/05), com o secretário de educação superior do Ministério da Educação, Amaro Lins, para discutir a expansão da Universidade em municípios do interior do Estado.

Segundo a reitora, a intenção é construir novos campi universitários nas cidades de Rondonópolis, Barra do Garças, Pontal do Araguaia e Sinop.  “Precisamos do apoio do Ministério da Educação para a contratação de professores e técnicos. A UFMT não tem autonomia para criar cargos, por isso é preciso envolvimento político”, explica.

De acordo o coordenador da bancada do Centro-Oeste deputado Wellington Fagundes, o governo federal tem interesse em dar continuidade ao processo que vai beneficiar milhares de estudantes. “Este é um projeto muito importante que precisa sair do papel. Há meses estou em contato com o ministro da educação Aloízio Mercadante articulando a implementação deste projeto”, afirma

Leia também:  Policiais militares auxiliam nas negociações durante desocupação

Cursos de Medicina

Além da expansão da Universidade, durante a reunião também foi discutida a criação de cursos de medicina nos municípios de Rondonópolis e Sinop.

O Ministério da Educação criou uma comissão especial que realiza em todo o país estudo tendo como base o número de hospitais nos Estados, demanda de atendimento e quantidade de cursos de

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.