Mano Menezes convocou 87 jogadores até o momento, incluindo Ronaldo Fenômeno (Foto: Mowa Press)

Após quase dois anos à frente da Seleção e a dois da estreia do Brasil na Copa do Mundo, Mano Menezes já dá indícios de que está se aproximando de uma definição de equipe que estará em campo no dia 12 de junho de 2014 no estádio do Corinthians, em São Paulo. Com poucas alterações, incluindo atletas com idade acima dos 23 anos, o comandante começa a encontrar a formação que entende como a ideal do time canarinho não só para o torneio em casa, mas como para os Jogos de Londres, que serão disputados a partir de 27 de julho.

Os últimos quatro amistosos na Alemanha e nos Estados serviram para o treinador formar a base. No gol, a dúvida será sanada após os Jogos. O corte de Julio César da pré-lista de Londres e permanência dos outros arqueiros convocados é um indício de que o goleiro do Inter de Milão pode ficar fora até mesmo do Mundial. O restante do time seria formado por: Daniel Alves, Thiago Silva, Dedé (David Luiz) e Marcelo; Lucas Leiva (Sandro), Fernandinho e Paulo Henrique Ganso (Oscar); Neymar, Hulk e Leandro Damião. Tudo com pequenos ajustes do comandante.
Veja no final do texto o calendário de todos os jogos já marcados entre seleções até o início da Copa

Leia também:  1º Campeonato de Futebol Amador é suspenso temporariamente

– Todo esse trabalho que estamos fazendo há quase dois anos têm fundamento. Não estávamos dando tiro dentro da água. Os jogadores que estão aqui têm qualidade. Aquilo que se dizia que não tínhamos uma Seleção, eu posso dizer que no mínimo 50% está pronto. As pessoas têm certeza hoje que temos uma seleção olímpica apta a vencer lá na frente – analisou Mano.
Mano Menezes no treino da Seleção Brasileira (Foto: Mowa Press)Mano Menezes convocou 87 jogadores até o momento, incluindo Ronaldo Fenômeno (Foto: Mowa Press)

Desde que assumiu a Seleção até aqui, Mano convocou 87 jogadores, incluindo Ronaldo Fenômeno para a sua despedida em junho de 2011. O dado que chama a atenção é a quantidade de atletas que atuam no Brasil e no exterior. Foram 38 atletas que jogam em solo brasileiro e 47 no futebol europeu. No provável time titular, por exemplo, cinco defendem times canarinhos. Sem falar que o principal astro da Seleção é Neymar, que joga no Santos.

Leia também:  Derrota diante do Dom Bosco gerou prejuízo financeiro ao União

Após os Jogos de Londres, Mano vai começar a dar corpo à equipe que vai disputar a Copa das Confederações em 2013. E a CBF já tem dois amistosos confirmados e um perto de ser anunciado de forma oficial. Em agosto, logo após a competição em Londres, o adversário será a Suécia, no dia 15, em Estocolmo. No dia 7 de setembro, o rival será o Chile, no Morumbi, como anunciou o presidente da entidade José Maria Marin. E, por último, o Japão, na Polônia.

O Brasil ainda terá a Argentina pela frente em dois compromissos. No Superclássico das Américas, o time canarinho terá a oportunidade de bater os rivais como fez em 2011. A primeira partida será em Goiânia, no dia 19 de setembro. O jogo de volta, em Resistência, acontecerá em 3 de outubro. No entanto, as duas seleções só poderão contar com atletas que atuam nos dois países. Jogadores que defendem equipes do exterior não serão chamados por Mano e Alejandro Sabella.

Leia também:  Após derrota, Luve tem desafio contra o Oeste

Em pouco menos de dois anos no comando da equipe, Mano disputou 25 jogos. Foram 15 vitórias, cinco empates e cinco derrotas, duas delas para a Argentina de Lionel Messi (2 a 0, em Doha, no Qatar, e 4 a 3, em Nova Jersey, nos Estados Unidos). As outras foram para a França, em Paris (1 a 0), Alemanha (3 a 2, em Stuttgart) e México (2 a 0, em Dallas, nos Estados Unidos). O treinador também conseguiu uma sequência invicta importante de dez partidas (nove vitórias e apenas um empate).

– Essas questões de resultado, disso ou daquilo, o que vem sendo dito ou não, não muda minha postura sobre isso. Não vai me deixar mais ou menos tranquilo sobre a responsabilidade que tenho desde que assumi a Seleção. A seleção brasileira tem feito bons resultados. É sinal de que estamos no caminho que pretendemos alcançar no futuro – afirmou o treinador.

A próxima convocação da Seleção sairá entre os dias 6 e 9 de julho, data-limite para a divulgação da lista dos atletas que vão disputar os Jogos de Londres.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.