Com estilo de jogo parecido com as equipes da NBA, o Brasília derrotou o São José por 78 a 62, neste sábado (02/06), e conquistou o título do NBB, a liga masculina de basquete nacional, em Mogi das Cruzes, em São Paulo.

É o terceiro título consecutivo da equipe brasiliense, campeã também em 2010 e 2011. A equipe é adepta do basquete de transição, no qual se caracteriza o contra-ataque rápido e a conclusão da jogada antes que a defesa rival consiga se armar em seu garrafão.

A tática é comumente vista nos times universitários americanos e da NBA. E tem dado resultado. Das quatro edições do NBB, o Brasília venceu três e foi vice em uma.

E atuando desta forma o time do Distrito Federal liderou a primeira, a terceira e a quarta parcial. O São José foi melhor na segunda. No final, venceu com diferença de 16 pontos.

Leia também:  União e Luve decidem o Estadual Sub-19

O cestinha do duelo foi o ala-pivô Guilherme Giovanoni (32) do Brasília, com 26 pontos. Ele recebeu o prêmio de melhor jogador da final. O destaque do São José foi o pivô Murilo (25) com 20 pontos anotados.

“Quero agradecer por esse presente maravilhoso (é aniversariante). Quero dar os parabéns a equipe de São José pelo jogo e a torcida do São José que fez uma bela festa. E lembrar da nossa torcida, que viajou para nos ver”, disse Giavanoni à Sportv.

A seleção da NBB escolhida foi: Fulvio (São José), Alex (Brasília), Marquinhos (Pinheiros), Guilherme Giavannoni (Brasília) e Murilo (São José).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.