A Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sede) do Ministério da Integração Nacional reconheceu cerca de 240 munícipios das regiões Norte e Nordeste do País que estão em situação de emergência.

As portarias de reconhecimento da situação em mais cidades que foram atingidas por enchentes ou inundações graduais foram divulgadas nesta quinta-feira (31/05) no Diário Oficial da União. Na divulgação foram incluídos 130 municípios do Ceará, 97 de Minas Gerais, e ainda 13 cidades do Amazonas que estão em situação de calamidade pública.

Por causa disso, o número de municípios com reconhecimento de situação de emergência sobe para 1.974 no país de acordo com dados da Defesa Civil. Destes, 1.670 em razão de seca ou estiagem, dos quais 943 distribuídos pelos nove estados da região Nordeste, 629 no Sul, 97 no Sudeste, e um no Centro-Oeste, no Mato Grosso do Sul.

Leia também:  Mãe coloca fogo na própria residência com os 3 filhos dentro da casa

Amazonas

Os cartões Amazonas Solidário foram distribuídos pelo governo do Amazonas nesta terça-feira (29/05) para as famílias que foram afetadas pela cheia no interior. O cartão que garante a ajuda à família com a quantia de R$ 400 pode ser usado na compra de alimentos, remédios e outros mantimentos de primeira necessidade. O auxílio financeiro beneficiou 6.385 famílias da cidade de Itacoatiara (AM) e Autazes (AM). No município de Itacoatiara foram entregues outros 3.047 cartões.

Segundo o governo do estado, esta é a terceira etapa de entrega do cartão para as cidades em situação de emergência, que contemplou mais de 16 mil famílias em sete municípios. Além de Itacoatiara e Autazes, o cartão chega às famílias de Manacapuru, Boa Vista do Ramos e Nova Olinda do Norte, além de Careiro da Várzea e Barreirinha, que estão em estado de calamidade pública.

Leia também:  Homem é preso tentando empenhorar R$ 300 mil em joias furtadas no PR
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.