Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Whytalo Ferreira Camilo, 12 anos, foi atingido com um tiro na cabeça por volta das 12h desta quarta-feira, dentro de sua casa localizada no bairro Pedra 90. A Polícia Militar informou que irmão de Whytalo contou que os dois estavam brincando com a arma do pai, uma espingarda, quando aconteceu um disparo.

O irmão disse que após o tiro ele guardou a espingarda, cobriu o irmão com um pano e foi para escola, sem falar nada a ninguém. No momento do ocorrido estavam em casa apenas as duas crianças que parece ter apenas um ano de diferença de idade.

Apenas quando o pai das crianças chegaram em casa é que encontrou o garoto já morto. O irmão nega que tenha sido ele que efetuou o disparo, ele afirma que a própria vítima por um descuido acabou atirando em si mesmo. Segundo a PM o tiro acertou de raspão o braço de Whytalo e perfurou a cabeça.

Leia também:  Reeducando acusado de estupro foge enquanto prestava serviço no Fórum de Rondonópolis

O pai das crianças vai ser encaminhado para o Cisc juntamente com a arma e responderá pelos crimes de abandono de menor, porte ilegal de armas e homicídio.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.