Atualmente estão matriculados no cursinho pré-vestibular Zumbi dos Palmares 545 alunos. De acordo com o gerente do curso preparatório, professor Valdivino Ferreira de Lima, entre os anos de 2006 e 2008, 441 alunos foram aprovados em instituições de ensino superior, quando o cursinho ainda era apenas de responsabilidade do Movimento Negro de Rondonópolis (MNR).

Entre 2009 e 2011, 250 estudantes negros e brancos de baixa renda foram aprovados na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), 107 ingressaram em cursos técnicos e 225 conseguiram emprego, pois as empresas costumam pedir atestado de frequência no cursinho pré-vestibular.

“É uma forma de ascensão social. A população mais carente não tem o mesmo nível de educação e oportunidades que as pessoas das classes altas e o cursinho não visa só vestibular, mas a formação do aluno com palestras e adicionamos a disciplina de filosociopsicologia com introdução a filosofia, sociologia e psicologia, além de noções de direito”, comentou.

Leia também:  Samu passa a contar com central mais ampla e moderna
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.