Foto: Ronaldo Teixeira/AGORAMT

Representantes da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMMA) e do Exército se reuniram na manhã desta terça-feira (18), na prefeitura municipal, para a apresentação da 1ª etapa do Plano Diretor que será implantado em Rondonópolis.

A primeira das três etapas do Plano Diretor consiste no levantamento dos dados da cidade, no que consiste a número de habitantes, sexo, escolaridade, serviços de segurança pública, quantidade de hospitais, características climáticas e outros.

O coordenador da Defesa Civil, Messias Cardoso, explicou as próximas etapas serão o levantamento dos pontos de riscos na cidade e posteriormente a consolidação das ações com a participação da população. Messias relatou que a implantação do Plano Diretor é um processo minucioso e lento.

Leia também:  Incêndio é parcialmente controlado em Rondonópolis

O objetivo do Plano Diretor é estabelecer medidas de prevenção quanto aos possíveis acidentes, formas de atuação diante de uma emergência ou calamidade e quais os parceiros podem ser acionados.

Durante a reunião Messias apresentou a nova coordenadora do órgão, Lourdes Dalmolin, que deve assumir o cargo no final do mês. Dalmolin afirmou que esse é um novo desafio e precisará do apoio dos parceiros para dar continuidade aos trabalhos desenvolvidos na Defesa Civil, principalmente no que tange o Plano Diretor, que é uma ferramenta de suma importância para que haja mais dinamismo no tempo de resposta à população, em situações de emergência.

Segundo Messias, Rondonópolis deve ser o primeiro município do Estado a implantar o plano diretor.

Leia também:  Tributo lembra 1 ano da morte do Padre João Paulo
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.