A garota de programa S.A.S. (22) e o frentista J.L.A.O. (25) foram agredidos na noite de segunda-feira (25/06), no Distrito Industrial, em Rondonópolis. As vítimas explicaram a Polícia Militar (PM) que o mecânico R.A.T. (25) usou de um pedaço de caibro para agredi-los, depois que a mulher S.A.S. havia cobrado a dívida de serviços prestados ao suspeito.

As vítimas disseram aos policiais que foram de moto até a casa do mecânico R.A.T. e enquanto o frentista J.L.A.O. ficou na motocicleta, a garota de programa S.A.S. entrou na residência e cobrou do suspeito a dívida no valor de R$ 150. O mecânico R.A.T. se recusou a pagar e a mulher S.A.S. quebrou um copo e uma garrafa e, em seguida, saiu da casa.

Leia também:  Criminosos abrem buraco na parede para furtar comércio

De acordo com a PM, no momento em que a garota de programa S.AS. montava na motocicleta, o mecânico começou a agredi-los com o pedaço de caibro. O suspeito também danificou e tentou atear fogo na moto do frentista J.L.A.O..

A mulher S.A.S. e o rapaz J.L.A.O. informaram a PM que o mecânico R.A.T. usou um carro para persegui-los e afirmara que quando conseguiram se esconder, o suspeito fugiu. A PM fez rondas, mas R.AT. não foi encontrado. O caso será investigado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.