Dos 398.541 eleitores filiados a partidos políticos em Mato Grosso, 63.543 são devedores de multas eleitorais. Caso tenham interesse em concorrer aos cargos de vereador ou prefeito nas eleições de 7 de outubro deste ano, deverão regularizar a situação para obter a certidão de quitação eleitoral, exigida no ato do registro de candidatura.

Os dados de eleitores filiados, devedores de multas eleitorais, foram divulgados na tarde desta terça-feira (5) pelo Tribunal Superior Eleitoral. Em todo o país são quase dois milhões de filiados nessa situação.

O Democratas (DEM) é o partido com maior número de filiados em Mato Grosso, devedores de multas eleitorais, com 10.242. Em seguida vem o PMDB, com 8.113 devedores. Em terceiro lugar ficou o PPS, com 7.201 e em quarto o PSDB, com 5.706. O partido com o menor número é o PCO, com cinco filiados devedores de multas eleitorais.

Leia também:  Campeonato amador de Mato Grosso tem 420 times na disputa

Essas multas podem ter sido geradas por vários motivos, como ausência sem justificativa no dia da eleição; decisão judicial por propaganda eleitoral; conduta vedada a agente público; doação a campanhas acima do valor legal; dentre outros.

Os diretórios estaduais dos partidos devem ficar atentos a esses números, alertando os diretórios municipais para que verifiquem se na lista de devedores há eleitores com interesse em se candidatar nas eleições de 7 de outubro. A lista de filiados devedores de multas eleitorais já foi disponibilizada pela Justiça Eleitoral pelo sistema Filiaweb, cujo acesso se dá por uma senha entregue aos representantes dos partidos políticos.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.