Montagem mostra os candidatos Ségolène Royal e Olivier Falorni (Foto: AFP)

Valérie Trierweiler, companheira do presidente francês François Hollande, enviou nesta terça-feira (12) uma mensagem de incentivo em sua conta no Twitter a um dissidente socialista que disputa as eleições legislativas contra Ségolène Royal, candidata oficial do PS e ex-companheira do chefe de Estado.

“Encorajo Olivier Falorni que não desmereceu, que luta junto aos rochelanos (moradores de La Rochelle, cidade na qual Royal se apresenta) há tantos anos com um compromisso altruísta”, escreveu a primeira-dama. Pouco depois, consultada pela AFP sobre a veracidade da mensagem, Valérie Trierweiler respondeu que “sim”.

O chefe de Estado havia dado seu apoio a Royal, que corre o risco de perder as eleições para Olivier Falorni, que não aceitou a designação de candidatura de Royal pelo PS e manteve a sua.

Leia também:  Prédio desaba na Índia e confirma mais de 20 mortes e várias pessoas presas a escombros

Royal obteve 32,03% dos votos no primeiro turno, no domingo passado, e enfrentará no segundo Farloni, excluído do PS e que obteve 28,91%.

O Partido Socialista também se mobilizou para apoiar Royal. As chefes do Partido Socialista e dos Verdes (aliados do PS), Martine Aubry e Cécile Duflot, se deslocaram nesta terça-feira para La Rochelle (oeste) para apoiá-la. Há alguns dias, foi o primeiro-ministro Jean-Marc Ayrault quem viajou a La Rochelle para apoiar sua candidatura.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.