A Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso prendeu 214 pessoas no interior do Estado, na operação “Arraiá”, realizada entre os dias 25 e 29 de junho. A operação realizada aos finais de meses integra o planejamento tático-operacional da Diretoria de Interior de combate à criminalidade nos municípios das 12 Delegacias Regionais.

Em cinco dias, as unidades policiais cumpriram 82 ordens judiciais (busca e prisão), lavraram 141 autos de prisão em flagrante, 243 termos circunstanciados de ocorrência (TCO) e apreenderam 21 quilos de drogas e 33 armas de fogo, além de 161 objetos entre equipamentos, eletroeletrônicos e outros. Os crimes praticados pelos conduzidos às delegacias estão relacionados principalmente ao tráfico de drogas, roubo, furto, violência doméstica, roubos e furtos de veículos e homicídios.

Leia também:  'Operação Mata Grande Segura' | Mais de 1 mil pessoas abordadas e 16 fugitivos recapturados

O diretor de interior, delegado Aldo Silva da Costa, explicou que a operação é uma determinação da diretoria as Delegacias Regionais, que devem realizar pelo menos uma grande ação a cada fim de mês, simultaneamente com as demais delegacias de polícia do interior. O diretor disse ainda que as operações são sempre bem vistas nas localidades, pois além de retirar bandidos e armas de circulação aumenta a sensação de segurança da população.

O diretor também ressaltou que, nos dias da operação “Arraiá”, as unidades do interior, incineraram 650 quilos de drogas, 350 quilos queimados somente na Regional de Cáceres, encerrando a Semana Estadual de Prevenção às Drogas no Estado.

Leia também:  Assaltante se passa por cliente e rouba jóias e motocicleta de vendedor
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.