Os três candidatos a prefeito de Rondonópolis deixaram para homologar as suas candidaturas na quinta-feira, último dia do prazo. O problema é que os servidores do judiciário estão com os serviços paralisados como forma de protesto, justamente nos dois dias que antecedem o prazo final para as candidaturas, o que pode prejudicar o processo.

A equipe do AGORA MT entregou em contato com os representantes dos partidos que confirmaram que só farão os registros amanhã. Wellington Portela (PPS) contou que está com toda a documentação de Percival Muniz (PR) e de Rogério Salles (PSDB) para fazer a homologação, mas que isso só ocorrerá na quinta-feira. “Percival quer estar presente no momento do registro e hoje não será possível devido aos compromissos”, fala.

Leia também:  Parlamentares debatem situação do esgoto em Rondonópolis

O presidente municipal do PT, Mauro Campos, afirmou que foi uma opção do partido deixar para último dia a homologação da candidatura de Juca Lemos (PT) e Francisco Gimenes Cordon (PT). “Temos até às 19h de amanhã para registrar as candidaturas, então optamos para fazer isso apenas na última hora”, conta.

O advogado do prefeito Ananias Filho (PR), Gilmar de Moura, alegou que a candidatura dele e de sua vice, Valéria Bevilacqua (PMDB) também será registrada apenas no prazo final. “Ananias será convidado para participar da homologação”, comenta.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.