Na segunda-feira iniciou o período de inscrições do programa educacional ‘MT Preparatório’, realizado pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secitec), em parceria com a Secretaria de Educação (Seduc).

São ofertadas 10 mil vagas, sendo 7.500 na modalidade presencial mediada tecnologicamente (aluno em sala de aula na escola atendida pelo programa) e 2.500 vagas via web (aluno por meio de um computador com acesso a internet assiste às aulas por meio de senha e login). Todos os 141 municípios de Mato Grosso são contemplados pelo maior programa de ensino à distância do Centro-Oeste.

Os interessados têm até ás 23hs (horário de Mato Grosso) do dia 08 de agosto para se inscrever através do site da Secitec ou no site da Seduc. Antes de preencher o formulário de inscrição o candidato precisa escolher se quer assistir as aulas preparatórias na sala de aula ou pela internet. Se optar pela modalidade presencial (sala de aula), o candidato deve observar na lista de unidades educacionais qual possui o acesso mais próximo. é a mais próxima. O sistema só permite uma inscrição por CPF (Cadastro de Pessoas Físicas) e após o preenchimento do formulário o candidato recebe via e-mail o comprovante da inscrição. Feito esse processo o candidato aguarda a divulgação dos aprovados, que será no 10 de agosto.

Leia também:  Atendimentos do Bombeiros aumenta na fase mais seca da estação

Com conteúdo voltado para a preparação de exames seletivos como concurso público, vestibular e principalmente o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), o ‘MT Preparatório’ está previsto para começar na segunda quinzena de agosto e encerrar no dia 01 de novembro, dois dias antes das provas do Enem 2012, agendadas para serem aplicadas nos dias 03 e 04, em todo o País.

As matrículas dos aprovados serão feitas nas escolas onde o candidato escolheu estudar, entre os dias 14 a 17 de agosto. Serão exigidos os documentos: cópia de CPF; certidão de nascimento, casamento ou cédula de identidade; uma foto 3×4 recente; histórico escolar ou atestado escolar parcial do Ensino Médio e comprovante atualizado de residência. A falta de algum desses itens relacionados anteriormente impede a matrícula e assim a vaga no programa.

Leia também:  Bombeiros se alegram por não ter registro de afogamento em festival de praia em MT

Os matriculados no 3º ano do Ensino Médio nas escolas estaduais onde estão instalados os equipamentos tecnológicos do programa têm prioridade no preenchimento das vagas. Assim também ocorre com os alunos de seis dos nove municípios (Sinop, Rondonópolis, Diamantino, Alta Floresta, Barra do Garças e Tangará da Serra) onde há escolas técnicas de Educação Profissional e Tecnológica do Estado, que ficam sob a administração da Secitec. Caso esses dois grupos não ocupem as vagas ofertadas, alunos do 3º ano de outras unidades públicas de Educação e concluintes do Ensino Médio poderão ocupá-las.

As aulas do programa educacional serão realizadas no período noturno, das 19hs às 22h15m, de segunda a sexta-feira.

Leia também:  MPE entra com ação para município criar abrigo e esterilizar animais de rua
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.