A Polícia Civil de Curitiba (PR), prendeu nesta quarta-feira (4), dois homens suspeitos de assaltarem a joalheria Thiago Mendes Jewels no dia 13 de junho. Renato Gesser (40), conhecido como “garça” e Walace Ribas (32) o “magrão” foram capturados quando passavam pelo pedágio da BR 376, com eles foram encontradas duas pistolas e parte das jóias.

A dupla foi reconhecida por assaltos em joalherias realizados em três estados, além do caso de Rondonópolis. Os comparsas têm contra si diversos mandados de prisão, Renato Gesser é foragido da Colônia Penal Agrícola de Santa Catarina desde maio de 2011.

O reconhecimento dos bandidos foi possível por meio de um retrato falado feito pela Polícia Civil de Mato Grosso, a representação facial humana é praticamente idêntica a uma fotografia dos suspeitos. As vítimas já foram ouvidas pela polícia nesta tarde e reconheceram parte das jóias recuperadas.

Leia também:  Colisão frontal em na BR-163 deixa quatro feridos

A prisão foi realizada pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) do Paraná, que trabalha no combate a roubos de joalherias.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.