Foto: Painel do Basquete feminino

O histórico de conquistas de Hortência faz a ex-jogadora e atual diretora a CBB (Confederação Brasileira de Basquete) ser respeitada em qualquer lugar, não seria diferente na seleção feminina. Em Londres, ela participou do primeiro treino da equipe e deu dicas às novas atletas, que vão representar o Brasil nos Jogos Olímpicos.

Hortência, mesmo anos após a aposentadoria, foi à quadra e orientou as jogadoras sobre posicionamento e como trocar passe.

“A gente está fazendo os últimos treinamentos, temos o último jogo contra a Croácia. Estamos na expectativa de saber como elas vão estar no primeiro jogo”.

Enquanto isso, os jogadores da seleção masculina treinaram e se mostraram ansiosos pela estreia nos Jogos de Londres. A preparação, no entanto, foi fechado para a imprensa.

Leia também:  Grupo defende permanência de Juary na liderança do prefeito
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.