A manicure se negou a falar sobre a droga – Foto: Varlei Cordova

A manicure Gilmara Santos Rezende, 20 anos, residente em Barra do Garças, foi presa hoje em Rondonópolis com 492 gramas de uma substância aparentado ser maconha. O cabo da Polícia Militar Saturnínio, explicou que foi através de uma denúncia anônima que conseguiram chegar até a acusada.

Segundo o cabo, a denúncia dizia que Gilmara iria embarcar em um ônibus na rodoviária de Rondonópolis para Primavera do Leste. “Nós fomos até o local de posse das caraterísticas da acusada, mas não a encontramos na rodoviária. A outra possibilidade é que ela tentaria pegar carona, então fomos até a via que da acesso a rodovia e conseguimos fazer a prisão da acusada”, fala.

Durante o registro da ocorrência, o cabo, contou que Gilmara negou dar qualquer informação sobre o assunto. Nos documentos de Gilmara foi encontrado uma carteirinha que consta que ela é esposa de um dos detentos do presídio Mata Grande. Gilmara negou que seja companheira do detendo, ela afirmou que é prima, mas como só pode fazer visitas os parentes de primeiro grau mentiu que era a sua esposa.

Leia também:  Colaborador morre após cair de prédio em construção em Rondonópolis
Droga encontrada com a manicure – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.