As projeções mais uma vez se consolidaram em relação ao crescimento de empresas em Mato Grosso. Dados do primeiro semestre apontam um crescimento de 9,29% em relação ao mesmo período do ano passado. Este ano já são 17.951 novas empresas enquanto no ano anterior foram 16.424 empresas nos primeiros seis meses. O setor de comércio e serviços foi o que mais contribuiu para elevar o índice. Os dados são da Junta Comercial do Estado de Mato Grosso (Jucemat).

O Empreendedor Individual também cresceu em relação a 2011, fechando o semestre em 21,84 % maior. Foram formalizados 9.288 empreendedores no ano passado contra 11.317 este ano. “Houve maior abertura em função das contratações de empresas para obras da Copa de 2014. Consequentemente com as novas etapas das obras, a estimativa é que o crescimento se mantenha”, pontuou Roberto Peron, presidente da Jucemat.

Leia também:  Pelo 3º dia, manifestantes bloqueiam rodovia em MT para cobrar legalização de assentamento

O maior número de registros está no segmento comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas, com 7.210 constituições só este ano. O segmento registrou no ano passado 6.842. Somam-se a esses números enquadramentos de diferentes portes: Micro Empresas (ME), Empresas de Pequeno Porte (EPP), MEI e Outros.

O setor de indústrias de transformação também apresentou progressão. Em 2012 estão oficialmente constituídas 1.569, sendo 331 Micro Empresas (ME) e 1120 Empreendedor Individual (MEI) do total. No período de 2011, foram 395 (ME) e 912 (MEI) que somadas às EPP´s e outros resultaram em 1.444.

Para o presidente da Jucemat, os dados apontam que “estamos (no Estado) verticalizando nossa produção, agregando valor a nossas matérias primas, vegetal e animal”.

Leia também:  Detran iniciou primeira turma de Pilotagem Segura a motociclistas na Capital
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.