O Sindicato dos servidores do poder judiciário do estado de Mato Grosso (Sindjusmt), informou que a paralização dos servidores da Justiça Eleitoral de Mato grosso será hoje (4) e amanhã (5), prazo final para o registro das candidaturas.

Os servidores afirmam que a parada neste período de registros foi votada em assembleia pelos servidores do Judiciário Federal e que o principal objetivo dos funcionários é impedir o registro de candidaturas para forçar o governo federal a fazer o acordo na negociação, pois a categoria está há 6 anos com os salários congelados.

Segundo eles, os servidores do Judiciário Federal encontram-se sem reposição da inflação e sem qualquer tipo de aumento, e estão sofrendo as consequências de um congelamento salarial.

Leia também:  Confira as orientações do Procon Estadual para matrículas e rematrículas

O Sindjusmt informou ainda que se não houver negociação é possível que a classe continue paralisada por tempo indeterminado.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.