Materiais encaminhados ao Cisc – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Admar Pereira de Arruda (31) foi preso pela Polícia Militar (PM) por ser suspeito de roubo a uma perfumaria, no bairro Vila Operaria, e a uma drogaria, no bairro Jardim Pindorama, na tarde deste sábado (07/07) em Rondonópolis. Admar de Arruda foi encontrado em uma rua no bairro Jardim Tropical, onde a guarnição encontrou alguns dos materiais que foram roubados. Na quitinete em que o suspeito mora, foi encontrado outros itens que são produtos de roubos. Segundo a PM, Admar está na condicional e possui as características de um criminoso que praticou roubos no Centro e na Vila Operária.

No roubo a perfumaria, que ocorreu por volta de 14h, a dona do estabelecimento, a empresária, L.C.S., (32) disse que um suspeito que usava camisa polo, boné de cor bege, usava óculos e estava com um revólver de cor prata entrou, comprou um perfume e depois anunciou o roubo onde pegou a quantia de cerca de R$ 497 e as joias da vendedora L.N.S.P. (28) e da operadora de caixa E.A.D.V. (22). A empresária afirmou que depois o criminoso colocou as vítimas no banheiro, fechou a porta e mandou que elas não saíssem de lá. Em seguida, passou pelo caixa, pegou duas sacolinhas com moedas e fugiu, mas as câmeras de segurança registraram a ação do suspeito.

Leia também:  Mutirão da Delegacia de Jaciara conclui 394 procedimentos policiais

Já por volta de 15h30, uma drogaria foi o alvo de um suspeito, onde a comerciante V.V.V. (41) descreveu o bandido como sendo uma pessoa, de cor parda e que usava uma camiseta do Senai, um óculos e boné de cor bege. A comerciante disse que o indivíduo perguntou sobre um remédio e logo depois anunciou o roubo e levou a quantia total de cerca de R$ 628,25 entre dinheiro e moedas, e mais uma corrente, uma pulseira e um relógio. O suspeito fugiu em uma bicicleta em direção ao CDD dos correios.

Admar de Arruda foi encontrado no bairro Jardim Tropical depois que as vítimas da drogaria encontraram a PM e contaram o que havia acontecido. Com o suspeito a PM encontrou, a bicicleta, um revólver de plástico e os materiais que foram roubados da comerciante V.V.V.. Admar disse a guarnição que em sua quitinete havia outros produtos de roubos. E no local, os policias localizaram dentro de um chuveiro a quantia de cerca de R$ 497 e as joias da vendedora L.N.S.P. e da operadora de caixa E.A.D.V.. No guarda de roupas de Admar estavam duas sacolas com moedas da perfumaria assaltada. Em meio a roupas a PM encontrou outros materiais em que alguns itens foram reconhecidos por vítimas. Na casa do suspeito também havia um rolo de dinheiro que totalizava a quantia de R$ 591 e uma bacia com moedas.

Leia também:  Ex-presidiário homicida é detido com 200 pedras de crack em São José do Xingu

Admar de Arruda foi encaminhado para o Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC) para prestar esclarecimentos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.