O operador de máquinas A.C.M. (37) foi preso pela Polícia Militar Ambiental, na tarde desta quinta-feira (19/07), em um local próximo a uma empresa de nutrição animal na Zona Rural de Rondonópolis. O homem foi encaminhado ao Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC) depois que afirmou que atirou em duas capivaras e tinha a intenção de comer parte dos animais e o resto iria distribuir aos colegas de serviço.

A Polícia Militar Ambiental recebeu denúncia de que pessoas realizavam uma colheita e animais se assustavam com o barulho das máquinas. Os policiais foram informados que em cima de uma das máquinas havia uma espingarda que os suspeitos usavam para efetuar disparos.

Leia também:  Distribuidora de bebidas é invadida e suspeitos fogem com dinheiro no Monte Líbano

Diante disso, a guarnição foi até a localidade na Zona Rural e encontrou duas capivaras abatidas e quando a máquina agrícola foi revistada, a espingarda foi localizada.

O operador de máquinas A.C.M. explicou que estava trabalhando e viu as duas capivaras que foram para uma moita. A.C.M. então resolveu ver o que aconteceu e disse que percebeu que os animais estavam feridos e, em seguida, matou os bichos.

Além dos animais e da espingarda, a Polícia Militar Ambiental apreendeu um carregador com quatro munições intactas. O homem A.C.M. foi levado ao Cisc para registro do Boletim de Ocorrência (BO).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.