Colação de grau da Faculdade Indígena Intercultural ocorrerá na sexta-feira. Danielle Tavares/Unemat

Trinta e três professores indígenas de 11 etnias de Mato Grosso recebem diploma de licenciatura pela Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), possibilitado pelo programa inovador desenvolvido pela Unemat. A colação de grau da Faculdade Indígena Intercultural ocorrerá nesta sexta-feira (13), em Barra do Bugres.

As licenciaturas específicas da Faculdade Indígena Intercultural têm por objetivo a formação e a habilitação de professores indígenas para o exercício docente no Ensino Fundamental e em disciplinas específicas do Ensino Médio, nas escolas das aldeias. São oferecidos cursos superiores de licenciatura nas áreas de Línguas, Artes e Literaturas; Ciências Matemáticas e da Natureza; Ciências Sociais e Pedagogia Intercultural.

Nesta quarta e quinta-feira (11 e 12) haverá seminário de apresentação de trabalhos de conclusão de curso (TCC). Dentre os temas analisados, os professores indígenas investigam os artefatos tradicionais, medicina tradicional e saúde, geometria em artesanato e casa tradicional, mito de origem, festas e rituais, cantos e música, processo de aprendizagem.

Leia também:  Em 2017, cerca de 160 suspeitos de roubos e furtos de veículos são presos

Sobre a Faculdade – Sediada no campus da Unemat em Barra do Bugres, a Faculdade Indígena Intercultural começou suas atividades em 2001 como projeto ‘Terceiro Grau Indígena’, formou 276 professores indígenas e 94 já fizeram pós-graduação. Os estudantes atuam em 146 aldeias do Estado de Mato Grosso, situadas em 35 municípios.

Os cursos de licenciatura da Unemat constituem o primeiro programa institucional dessa natureza implantado no Brasil, que hoje é considerado referência para outras iniciativas de formação de professores indígenas, tanto em outros estados como fora do País.

O pioneirismo da Universidade na oferta da graduação específica e diferenciada para povos indígenas é reconhecido pela Organização das Nações Unidas (ONU) e Unesco como ação de política afirmativa voltada para a inclusão dessas populações no Ensino Superior.

Leia também:  Fórum Sindical pede para MPE afastamento de deputados delatados

Os cursos são possibilitados por parceria entre a Unemat, Secretaria de Estado de Educação (Seduc/MT), Fundação Nacional do Índio (Funai) e Prefeitura Municipal de Barra do Bugres.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.