Com a finalidade de garantir um melhor ambiente de trabalho para os funcionários e usuários do Instituto Médico Legal (IML), o vereador Adonias Fernandes sugeriu ao prefeito Ananias Filho e ao secretário municipal de Infraestrutura, Urbanismo e Habitação, Ronaldo Uramoto, que seja efetuada reforma no prédio da unidade.

De acordo com o parlamentar é necessário que seja colocada uma divisória entre a recepção e o interior do IML para oferecer uma maior segurança e tranquilidade para os funcionários, de maneira a limitar o fluxo de pessoas em recintos exclusivos para os servidores da unidade, como por exemplo, a sala de autópsia, pois o trânsito de outras pessoas no local, que não sejam os servidores do Instituto, atrapalha a rotina dos profissionais.

Leia também:  Rondonópolis terá duas representantes no Miss Mato Grosso 2017

Outro argumento do vereador é referente ao resguardo das pessoas que vão ao IML para realizar algum tipo de serviço ou exame e também conter os odores e as cenas trágicas geradas pelo estado de alguns corpos ali examinados.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.