O atual bicampeão da Fórmula 1, o alemão Sebastian Vettel, reconhece que sonha correr pela Ferrari um dia, mas assegura que é fiel à RBR, equipe na qual não descarta passar toda sua carreira.

“Se perguntarem aos 24 pilotos da Fórmula 1 se eles querem correr pela Ferrari em algum momento de suas carreiras, os 24 dirão: sim, é claro. Eu também. Mas tem que ser conveniente para todas as partes”.

Vettel, no entanto, faz questão de ressaltar que a vontade de defender a Ferrari está longe de ser uma fixação.

“Quem sabe tudo não sai de outra maneira e acabo pilotando por outras equipes completamente diferentes… Pode ser até que em minha carreira eu acabe não defendendo outros times, porque não existe melhor pacote que o da RBR”.

Leia também:  MT fatura ouro e prata na luta olímpica dos Jogos Escolares

O bicampeão do mundo ressalta que “não pensa em outra coisa” se não em cumprir seu contrato com a escuderia austríaca até 2014 e comenta que “cresci praticamente com a RBR. Somos uma família e eu gosto do ambiente interno. Ninguém sai pela porta dos fundos”.

Sendo assim, Vettel garante não estar em andamento nenhuma negociação para sua transferência à Ferrari ao fim de seu contrato com a RBR:

“Não posso, nem quero me ocupar do que pode acontecer em um par de anos”.

Quanto à temporada atual, Vettel destaca o equilíbrio entre vários pilotos e prevê emoção até o fim, mas diz que deseja “defender meu título”.

“Mark (Webber, seu companheiro de escuderia) e eu lutaremos pelo título, e a equipe nos apoia igualmente, mas acredito firmemente que é possível ganhar o título este ano. Uma vitória no domingo em Hockenheim e o mundo irá parecer outra coisa – finaliza o piloto alemão, referindo-se ao GP da Alemanha, que acontecerá no próximo fim de semana.

Leia também:  Atleta rondonopolitana é ouro no salto em altura
Foto: GAZETA ESPORTIVA
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.