Pedro Júnior, do Vila Nova: atacante faz três gols na vitória sobre o Madureira (Foto: Zuhair Muhammad)

Autor de três gols na goleada por 5 a 1 sobre o Madureira, Pedro Júnior deixou o gramado do Serra Dourada comemorando a vitória e sua grande atuação, mas também esbravejando contra parte da diretoria do Vila Nova. O artilheiro isolado da Série C com oito gols disse repudiar supostas críticas feitas por pessoas do próprio clube ao elenco colorado e ao técnico Jorge Saran.

– A vitória foi importante para mostrar a força do nosso grupo, que é muito unido e fechado. Mas, às vezes, a diretoria faz algumas cobranças que eu não concordo. Cobranças sobre nós jogadores e também sobre o técnico (Jorge Saran), que acabou de chegar.

O atacante preferiu não entrar em detalhes, mas deixou a entender que o elenco colorado fora criticado por membros do Conselho Deliberativo, que teriam duvidado do real empenho do grupo de jogadores nos treinamentos e questionado a comissão técnica.

Leia também:  Judoca brasileira vence adversária com 11 segundos e se torna a bicampeã mundial

– Parte do Conselho atrapalha um pouco, fala muitas coisas. Nós jogadores sempre conversamos e escutamos coisas que não são legais. Cobranças que não são necessárias. Dizem que estamos treinando pouco, mas estamos treinando demais. Só pensamos em uma coisa, que é o acesso. Nosso grupo é forte e mesmo nas derrotas dá para ver isso – afirma.

A respeito do interesse do Bahia em contratá-lo, Pedro Júnior nega que a possibilidade de uma futura transferência para o clube baiano possa interferir de forma negativa em seu desempenho e garante que o gols são a prova de que está focado somente no Vila Nova.

– Não atrapalha. Meu empresário (Jair da Silva) não tem me passado nada. E isso pode ser visto nos jogos. Mesmo quando não faço gols, estou jogando bem. Nunca fui atrás da diretoria dizendo que quero sair. Se você se envolve com isso, acaba perdendo o foco. Já me envolvi quando era mais novo e acabei perdendo o foco. Quero ficar no Vila, terminar a Série C aqui – garante.

Leia também:  Derrota diante do Dom Bosco gerou prejuízo financeiro ao União
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.