Foto: Reuters

Alison e Emanuel decidirão nesta quinta-feira a medalha de ouro do vôlei de praia masculino na Olimpíada de Londres contra uma dupla franco-atiradora. Os alemães Brink e Reckermann ocupam apenas a 22ª colocação no ranking mundial da Federação Internacional de Vôlei e são considerados uma surpresa do torneio, que teve aos atuais campeões, os americanos Rogers e Dallhauser, eliminados nas oitavas de final.

Alison e Emanuel enfrentaram os alemães em nove oportunidades e venceram seis, a última delas neste ano, pela semifinal do Grand Slam de Moscou, na Rússia, por 2 sets a 1. “Brink e Reckermann formam uma dupla bem equilibrada, venceram o Campeonato Mundial em 2009, e nós os vencemos na semifinal do Campeonato Mundial, ano passado, em Roma. É um time de qualidade, muito inteligente, vem fazendo um grande torneio e com vitórias expressivas aqui em Londres”, analisou Emanuel.

Leia também:  Luverdense perde do Inter com gol polêmico no final

Atuais vice-líderes do ranking, Alison e Emanuel já tiveram pela frente na semifinal outra dupla desconhecida, os letões Plavins e Smedins, e conversaram entre si sobre a necessidade de jogarem forte desde o começo para não serem surpreendidos. “Esta é uma final olímpica, não é qualquer jogo, não é qualquer final”, continuou Emanuel, que já tem no currículo a medalha de ouro nos Jogos de Atenas, em 2004, e a de bronze em Pequim, em 2008, ao lado do ex-companheiro Ricardo.

Assim como os brasileiros, Brink e Reckermann estão invictos na Olimpíada venceram os seis jogos que disputaram.Foram os alemães que eliminaram a outra dupla brasileira nos Jogos, Pedro e Ricardo. A finalíssima começa às 17h (hora de Brasília).

Leia também:  Meninas do vôlei vencem a primeira em Cuiabá
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.