Eles ainda não voltaram a treinar juntos. Enquanto Vagner Love se apronta para enfrentar o Botafogo, neste domingo, pela 19ª rodada do Brasileirão, Adriano apressa o passo para entrar em forma e reestrear pelo Flamengo. Ambos esperam a hora de retomar o Império do Amor, formado no primeiro semestre de 2010. Por enquanto, os encontros ocorrem no vestiário, academia ou no café da manhã no Ninho do Urubu. O camisa 99, artilheiro do campeonato ao lado de Fred, do Fluminense, com nove gols, coloca pressão para que o parceiro de ataque esteja pronto logo.
– A gente se encontrou pouco, mas já perguntei para ele quando é que volta a jogar. Ele vai ter uma preparação boa, está treinando forte, de manhã e de tarde, para tentar pegar forma e ritmo de jogo o mais rápido possível. Quanto mais tempo trabalhar, em menos tempo estará em campo para ajudar a gente. Foi mais ou menos esse o nosso papo. Disse que espero ele dentro de campo logo – contou Love.
Juntos, eles disputaram 18 jogos em 2010. Venceram mais do que perderam: dez contra cinco. Foram três empates, num aproveitamento de 61,1%. Com os dois em campo, o Flamengo marcou 36 gols, sendo 27 da dupla. Quando estiveram lado a lado, Adriano fez 15, enquanto Vagner marcou 12. Em todo aquele período, o camisa 10 e Love marcaram 38 vezes.
Foi um prazer muito grande saber que ele voltou para o Flamengo, para a casa dele, todo mundo sempre o recebeu muito bem. Tenho certeza de que vai ser muito feliz junto com a gente. Quero primeiro que ele volte a treinar logo, volte a jogar, que sinta novamente o prazer de jogar pelo Flamengo e de fazer gols para nos ajudar.
A marca negativa da dupla, no entanto, foi a falta de títulos. Mesmo com ela, o time perdeu a final da Taça Rio para o Botafogo e caiu nas quartas de final da Libertadores da América, diante da Universidad de Chile.
– Eu tenho muita vontade de ganhar um título pelo Flamengo, não só ao lado do Adriano. Como torcedor, sei o que é ver o Flamengo campeão. Eu penso, lógico, me imagino com meus companheiros festejando no fim do ano. Depois de tudo que a gente trabalhou no ano, chegar no fim e conquistar. Imagino e tomara que aconteça comigo e com todos os jogadores do Flamengo.A tentativa de reconstruir do império se dá num momento em que eles vivem fases bem distintas. Love atravessa um bom momento e voltou a ser protagonista do time. Em 2012, são 32 jogos e 20 gols. No Brasileirão, ficou oito partidas sem marcar, mas fez cinco gols nas últimas quatro partidas.

Leia também:  Antigo Luthero vira cult e ganha lembrança especial do torcedor

Adriano recomeça. Desde junho de 2010, há mais de dois anos, foram apenas 16 jogos – oito pelo Roma e oito pelo Corinthians – e dois gols marcados, o último deles no dia 25 de fevereiro, há quase seis meses. Depois de deixar o Fla, em maio de 2010, o Imperador viveu momentos complicados, com lesões e polêmicas de sobra e escassez de brilho. De volta, quer recuperar o trono de Imperador, mas ainda não tem previsão de estreia. Ele espera estar pronto em um mês, mas o clube prefere não estabelecer um prazo.

Após o treino da manhã deste sábado, na Gávea, o camisa 10 vai se concentrar com o grupo para o jogo contra o Botafogo. Segundo o diretor de futebol do Flamengo, Zinho, a iniciativa foi de Adriano. Ele também irá ao Engenhão para assistir à partida, que começa às 16h (de Brasília).

Leia também:  Academia é destaque em competição em Minas Gerais
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.