Foto: Mark Thompson / Getty Images

Quarto colocado no Mundial de Pilotos da Fórmula 1, o britânico Lewis Hamilton ainda brigará pelo título. Esta é a opinião de Jonathan Neale, diretor da MCLaren, que mostrou confiança na equipe e afirmou que a renovação de contrato com o automobilista inglês está mais próxima.

Neale contou que a escuderia trabalha por um acordo com o piloto e que um acerto pode ocorrer em breve. “Estamos mais próximos, mas claro, estamos em negociações”, revelou em entrevista ao canal britânico Sky Sports.

Lewis Hamilton está com 117 pontos na classificação do campeonato, o que representa uma desvantagem de 47 pontos em relação ao líder Fernando Alonso. O britânico ainda tem como concorrentes a dupla da Red Bull, Mark Webber, com 124, e Sebastian Vettel, com 122.

Leia também:  Estreia de Pelé pela seleção brasileira completa 60 anos

Entretanto, o diretor de Woking não considera uma diferença muito difícil de ser revertida. “Matematicamente ainda é possível. São 25 pontos por vitória, não é preciso muito para alterar isso”, afirmou.

Jonathan Neale viu o carro da McLaren superior à Ferrari no último Grande Prêmio da Hungria e além de confiar na máquina da escuderia, deposita grande expectativa na força de vontade de Hamilton.

“Nós temos um carro rápido e estávamos em melhor forma que a Ferrari na última corrida. Ele (Lewis Hamilton) é um lutador, adora desafio. Ele só precisa de um incentivo e apoio da equipe”, opinou.

“Ele sabe que estamos trabalhando para trazer atualizações e corrigir possíveis problemas, então acredito que estará brigando pelo título no final da temporada”, encerrou.

Leia também:  Pesso chega e começa a montar o União
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.