O líder nas pesquisas de intenção de votos para prefeito de Rondonópolis, o deputado estadual, Percival Muniz (PPS), cometeu um erro durante uma entrevista ao Jornal A Tribuna de Rondonópolis.

“Nessa aí eu ganhei até de Deus”, disparou Percival, em tom de bricandeira, ao comparar as obras feitas por Deus e as suas quando prefeito, que figuram entre as Sete Maravilhas rondonopolitanas, eleitas pelos leitores do jornal. Na comparação feita pelo deputado ele teria feito mais que Deus, já que teria colocado entre as Sete Maravilhas mais obras do que o criador.

Frases com o mesmo efeito se tornaram celebres na história da humanidade, “Nem Deus afunda o Titanic”, teria dito o construtor do poderoso navio, Thomas Andrews, durante uma entrevista a um jornal inglês, “Somos mais populares que Jesus Cristo”, falou John Lennon, ao tentar explicar porque o cristianismo iria acabar.

Leia também:  Site de Diogo Mainardi diz que Sachetti pode disputar governo

É pouco provável que o fim dos Beatles ou a morte de John Lennon tenham ocorrido por conta da frase proferida, ou muito menos, Deus tenha afundado o Titanic, onde centenas de mortes aconteceram, apenas para “dar” uma lição aos que blasfemaram, mas com certeza, Lennon e Thomas Andrews sofreram com a pressão da comunidade cristã.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.