Durante uma assembleia realizada ontem na sede do Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais do Estado de Mato Grosso, em Cuiabá, a categoria decidiu após votação unanime de que vão aderir ao movimento nacional e que a partir da semana que vem todos os serviços estarão paralisados.

A gerente administrativa e financeira do Sindicato, Elisiane Reis, explicou que agora estão apenas aguardando a decisão da Federação Nacional dos Policiais para que a greve entre em vigor. “Acreditamos que a partir do dia 20 de agosto todos os serviços estarão parados”, fala.

Segundo Elisiane, todos os postos da PRF em Mato Grosso devem aderir à greve, inclusive Rondonópolis.  Os profissionais reivindicam o reconhecimento do nível superior e reestruturação de cargos; manutenção da aposentadoria especial (arquivamento do PLP 554/10); concurso para a área administrativa; adicional noturno, de insalubridade e de fronteira; reestruturação do órgão; aumento do efetivo; aumento dos auxílios alimentação, saúde, creche e transporte.

Leia também:  Rondonópolis será sede da 11ª edição da Caravana da Transformação
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.