Servidores do Ministério Público do Trabalho (Procuradoria do Trabalho em Rondonópolis) aderem ao movimento grevista do Ministério Público da União, onde trabalhadores de vários estados do país estão paralisados desde o dia 15 de agosto. Em Rondonópolis, a unidade aderiu em massa à paralisação, respeitando apenas  atendimentos  de casos urgentes e medidas emergenciais.

O Ministério Público da União é composto pelo Ministério Público Federal, Ministério Público do Trabalho, Ministério Público Militar e Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, e tem a missão de cuidar das relações de trabalho, quando envolver interesse público,  dos crimes militares, garantir direito a cultura e natureza, entre outros. A instituição se preocupa, em especial, com a defesa das crianças, idosos e deficiente físicos, e se consolidou como um importante órgão no combate à corrupção, denunciando desvios de verbas públicas.

Leia também:  Meia tonelada de alimentos são entregues para o Lar de Nazaré

A principal reivindicação dos servidores é o reajuste da tabela salarial, feito pela última vez em 2004 e aprovada em 2006, com a medida os profissionais buscam a valorização da categoria.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.