Foto: arquivo AGORA MT

O resultado da divisão das emendas parlamentares deixou claro que é preciso apoio político para conseguir a liberação de verbas. O deputado federal Nilson Leitão (PSDB) que faz parte da oposição na Câmara, conseguiu aprovar apenas 50% da verba, enquanto que o deputado federal Carlos Bezerra (PMDB), que é da base aliada do governo, conseguiu 100% da liberação de recursos.

Segundo Leitão a grande maioria de suas emendas é para realizar ações nas áreas de educação, saúde, agronegócio e pavimentação. Como o recurso não é liberado, esses segmentos são os mais prejudicados.

Bezerra afirma que não tem do que reclamar, já que teve todos os seus projetos atendidos. Neste momento o deputado aguarda a liberação de R$ 20 milhões para obras na rodovia que liga Cuiabá a Rondonópolis. Em relação à emenda de bancada, ainda pouco foi liberado, mas Bezerra acredita que o governo deve sentar para negociar a viabilização destes recursos após as eleições.

Leia também:  Zona Rural é atendida com projeto de dança
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.