A diferença entre Fluminense e Flamengo é muito grande na tabela do Campeonato Brasileiro (22 pontos). Porém, quando o assunto é artilharia a briga é muito acirrada. Vagner Love e Fred estão na luta para saber quem será o maior marcador da competição desde as primeiras rodadas e, no jogo de amanhã, estarão frente a frente, num capítulo que poderá mostrar quem vai acabar sorrindo ao fim das 38 rodadas.

Fred já anotou 12 gols no campeonato, um a mais do que Love, numa distância que permite apostar em qualquer um dos dois para terminar o ano como artilheiro.

O faro de gol apurado e a capacidade de decidir jogos importantes são duas das principais características que ambos demonstraram ao longo de suas carreiras.

É verdade que os dois têm estilos de jogo muito diferentes, já que o rubro-negro é um jogador de mais movimentação e o tricolor costuma ficar mais preso na área. Eles já vestiram a camisa da Seleção em momentos muito bons, tiveram altos e baixos, mas sempre conseguiram reagir e foram candidatos a artilheiro em todas as competições que disputaram pelo mundo.

Leia também:  Corinthians vence o Fluminense de virada e se torna campeão brasileiro pela sétima vez

A média do atacante do Fluminense é melhor. Em 19 jogos disputados ele conseguiu marcar 12 gols. Já o artilheiro rubro-negro anotou 11 feitos em 25 partidas. Embora não tenha uma média de gols tão boa, o fato de participar da maioria dos jogos do Flamengo é um dos trunfos de Vagner Love para ser artilheiro.

Os dois técnicos podem se dizer contentes com os centroavantes que têm em mãos. A prova disso é que nos melhores momentos de seus artilheiros é que as equipes demonstraram um futebol melhor. No Flamengo, a dependência pelos gols de Vagner Love chega a ser um problema para o técnico Dorival Júnior.

Leia também:  Cuiabá Arsenal encara último rival da 1ª fase do brasileiro

Artilheiros pelos cantos do mundo

A briga de Fred e Vagner Love pela artilharia do Campeonato Brasileiro não é surpresa para nenhum torcedor que acompanhou um pouco da carreira dos dois. Desde os primeiros passos eles sempre demonstraram faro para o gol e conquistaram ao longo dos anos artilharias por todo o mundo.

A primeira vez que Fred se sagrou artilheiro de uma competição nos profissionais foi em 2005, pelo Cruzeiro. No Campeonato Mineiro ele anotou 15 gols e, sem seguida, foi o artilheiro da Copa do Brasil.

Em 2011, o atacante conseguiu sua primeira artilharia vestindo as cores do Fluminense. No Carioca ele marcou 11 gols e terminou à frente de jogadores como Ronaldinho, Alecsandro e Loco Abreu.

Leia também:  Atleta da Seleção brasileira de Hóquei é assassinado com tiro na nuca em SP

Vagner Love tem um histórico maior de artilharias. A primeira veio ainda em 2003 na disputa da Série B, pelo Palmeiras. No ano seguinte ele foi o melhor marcador do Paulista, com 12 gols.

Jogando na Rússia ele também conseguiu feitos expressivos como a artilharia do campeonato nacional (com 22 gols pelo CSKA), em 2008, e também da Copa da Uefa na temporada seguinte.

No Flamengo ele só foi artilheiro uma vez, no Campeonato Carioca de 2010, com 15 gols anotados.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.